Topic outline

  • PREMISSA

    CONTEXTO

     

    Recentemente, o Museu do Desporto de Turim introduziu o Parkour como uma atividade desportiva com valor artístico, urbano e social, entre as disciplinas em exibição; um setor do novo projeto arquitetônico parisiense "Les Halles", em Paris, foi dedicado a esta disciplina e inaugurado em abril de 2016.

    ЯAPKOUR pretende implementar uma iniciativa a favor de jovens e formadores que trabalhem em associações juvenis que integram aquelas que são 2 atividades artísticas e desportivas como o rap e o parkour, ou seja, eventos que encontraram vida e desenvolvimento "no meio da estrada", de acordo com suas próprias regras, nem sempre codificáveis, muitas vezes marginalizadas e praticadas por pequenos grupos de pessoas.

    O Rap e o Parkour têm uma audiência muito ampla, especialmente no mundo jovem, embora continuem a ser praticados por grupos desfavorecidos de jovens do meio económico, étnico, urbano e cultural, implicando a disseminação de valores e comportamentos que não são educativos: a linha entre arte, a exibição e o vandalismo são sempre sutis. Além disso, as iniciativas espontâneas são freqüentemente encontradas entre jovens praticantes que, se não devidamente preparadas e realizadas como práticas seguras, podem gerar acidentes graves.

    O desafio do projeto ЯAPKOUR pretende gerar a capacidade de criar uma metodologia que integre a criatividade dos jovens nas comunidades locais, a fim de estabelecer um caminho educativo que fortaleça a partilha e o aprimoramento dos espaços urbanos, a criatividade e a atividade física e desportiva. A intenção é promover as atividades de rap e parkour em caminhos corretos, legais e positivos, incentivando a expressão e participação artística, desenvolvendo habilidades cívicas e sociais. O envolvimento dos jovens em situações de marginalização, sofrimento social e cultural, através de disciplinas "de rua", permite que sejam exploradas para transmitir mensagens como a inclusão social, a luta contra a discriminação, o diálogo intercultural, o intercâmbio de idéias, conhecimento e habilidades, através de um caminho de aprendizagem não-formal e informal. Desta forma, usamos as novas linguagens expressivas da juventude, como um recurso para a comunidade, melhorando-as para inovação cultural e económica. O trabalho de campo mostrou que algumas atividades de parkour realizadas em parques e / ou lugares degradados favoreceram a limpeza e o redesenho do local pelos praticantes.

    A educação musical significa o desenvolvimento de habilidades instrumentais e compreensão da música, mas também a educação na criatividade, o respeito pelas regras, a escuta dos outros, toda uma série de elementos transversais, típicos de cada disciplina. A música apoia e acompanha os jovens a lidar com tensões difíceis: individualização, autonomia, relacionamento com os outros e consigo próprios. O rap foi escolhido porque entra em sintonia com o parkour e tem um grau de difusão muito alto nos países parceiros, entre os mais jovens.

    Quanto ao parkour, de acordo com uma metodologia recente desenvolvida por Natalia Ivanova, professora de educação física dinamarquesa, a sua filosofia impõe não só desafiar-se, mas desenvolver o melhor comportamento: as drogas e o álcool podem dar uma visão distorcida das coisas, o parkour ensina a calcular bem distâncias, a ter uma concentração e uma percepção definida da realidade. O Rap e o parkour também podem contribuir para que as crianças entendam cada lugar como um local, um lugar para praticar, preservando-o de atos destrutivos, tornando-se uma forma de combater o vandalismo nas cidades, o que produz danos monetários significativos.

    O projeto é proposto como um caminho metodológico e experimental que surge da necessidade de estruturar processos de aprendizagem que sempre foram realizados voluntariamente, sem ser estruturados. Os operadores terão um papel de facilitadores nas fases de aprendizagem, incentivando a formação de jovens através do desenvolvimento e animação de atividades teóricas e práticas. Desta forma, será possível construir um caminho que possa ser usado em outros contextos e em futuras sessões e atualizá-lo facilmente para as mudanças que o parkour e o rap praticam constantemente.

    Os objetivos do projeto ЯAPKOUR são o de criar e experimentar um conjunto de ferramentas e uma metodologia composta por atividades teóricas e práticas, que levam à interação de jovens rastreadores (praticantes de parkour) e jovens rapperes de diferentes países.

    O projeto terá um valor transnacional que permitirá definir as boas práticas que surgiram em França e adaptá-las às realidades representadas no projeto, portuguesa e italiana. A voz e o corpo, embora atuando de maneiras diferentes, são confrontados em espaços e dimensões que vão além dos contextos nacionais, tornando-se um meio ideal para a promoção do multiculturalismo.

     

     

    OBJETIVOS

     

    O desafio do projeto ЯAPKOUR é o de ser capaz de criar uma metodologia que integre a criatividade dos jovens nas comunidades locais, a fim de estabelecer um caminho educacional que reforce a partilha e valorização dos espaços urbanos, a criatividade e a atividade físico-desportiva. A intenção é a de promover as atividades do Rap e do Parkour em percursos corretos, legais e positivos, incentivando a expressão artística e a participação, desenvolvendo habilidades cívicas e sociais. O envolvimento de jovens em situações de marginalização, sofrimento social e cultural, através de disciplinas de rua, permite transmitir mensagens como a inclusão social, a luta contra a discriminação, o diálogo intercultural, encorajando a partilha de ideias, conhecimento e competências através de um percurso de aprendizagem não formal e informal. Desta forma utilizamos as novas linguagens expressivas da juventude, como recurso para a comunidade, potencializando-as para a inovação cultural e económica.

     

    Através do uso do Rap e do Parkour, o projeto tem os seguintes objetivos específicos:

    - Desenvolver métodos eficazes para atingir os jovens marginalizados, promovendo a inclusão, a emancipação, a participação e a cidadania activa dos jovens com menos oportunidades e em risco de exclusão social;

    - promover atividades sócio-educativas de qualidade, destinadas a apoiar as capacidades e o desenvolvimento profissional de educadores e líderes de jovens para a aprendizagem daqueles oriundos de meios desfavorecidos.

     

     

    ATIVIDADES E METODOLOGIA

     

    O projeto inclui atividades relacionadas principalmente com a produção de um conjunto de produtos intelectuais, incluindo diretrizes para os dois tipos de atividades de formação identificadas: workshops para operadores e cursos para alunos.

     

    Pretende-se sobre tudo desenvolver orientações metodológicas baseadas em esquemas de formação que lhes são funcionais (os Currículos) e suportadas por materiais didáticos de referência que, sendo ligados a atividades de expressão vocal e corporal, foram essencialmente concebidos como fichas de performances baseados em Rap e Parkour.

     

    Em complemento, foi criada a plataforma de E-Learning multilingua para funcionar, tanto como uma ferramenta para a interação entre os participantes em atividades formativas, quanto como armazenamento de materiais de ensino (arquivos de texto, vídeos, manuais, imagens, artigos …).



  • CONHECIMENTO DO GRUPO

    CONHECIMENTO DO GRUPO

    Objetivos gerais

    1.       Promover o conhecimento dos participantes no projeto.

    Objetivos específicos

    1.       Conhecer as características gerais de cada pessoa que forma o grupo.

    2.       Estabelecer a união no grupo.

    3.       Encontrar interesses comuns dentro do grupo.

    4.       Promover um ambiente de trabalho e confiança dentro do grupo.

     

    Atividade

    Aprendemos os nomes em movimento

    Descrição

    Todos os participantes formam uma roda. Começa o primeiro participante e diz o seu nome e um movimento que o identifica. O segundo repete o nome e o movimento do participante anterior, e acrescenta o seu nome e o seu movimento. Continua-se a repetir e acrescentar nomes e movimentos até que todos os participantes da roda tenham realizado o exercício.

    Tempo de duração

    Depende do número de participantes.

    Materiais

    Nenhum

     

    Atividade

    Meu nome em Rap

    Descrição

    Todos os participantes formam uma roda. Começa o primeiro e diz o seu nome com um dístico ou um pequeno verso que o represente (identifique). Cada participante irá repetir o tipo de apresentação: o seu nome e frase rima (estilo rap).

    Tempo de duração

    Dependendo do número de participantes.

    Materiais

    Nenhum

     

    Atividade

    Dinâmica de Saudações

    Descrição

    O grupo caminha pelo espaço da sala, livremente. A um sinal, cada participante deve selecionar um parceiro, que esteja próximo, e cumprimentá-lo da maneira indicada pelo monitor. No início da atividade, são explicadas várias formas de saudação e poderão ser inventadas as que se quiser ou necessite. Por exemplo: saudação diplomática, saudação do urso, saudação alienígena (extraterrestre), saudação de medo...

    Tempo de duração

    5-10 '

    Materiais

    Nenhum

     

    Atividade

    4 Tempos

    Descrição

    Uma introdução musical, ao ritmo Rap, através da estrutura clássica de quatro tempos. A ideia é assimilar o estilo musical e "quebrar o gelo", para que os participantes se conheçam.

    Tempo de duração

    30 Minutos

    Materiais

    Equipamento de som e música gravada.

     


    • CONHECIMENTO DO ESPAÇO ENVOLVENTE

      CONHECIMENTO DO ESPAÇO ENVOLVENTE

      Objetivos gerais

      1.       Conhecer as características do ambiente a nível social, cultural e arquitetónico.

      Objetivos específicos

      1.       Identificar características ou peculiaridades do ambiente, a nível social e cultural, do espaço onde vivem ou executam as atividades.

      2.       Conhecer as características urbanas a nível arquitetónico.

      3.       Estabelecer contacto com o meio envolvente e com as pessoas que fazem parte do mesmo.

       

      Atividade

      Onde vivo?

      Descrição

      Em equipa, redigir-se-á uma série de perguntas sobre as características do meio envolvente, os problemas que mais preocupam os vizinhos, as oportunidades que aquela localidade possui, e a história, ou qualquer evento que marcou a história da cidade.

      É importante que haja a possibilidade de organizar uma visita, com um representante de organizações sociais e políticas, locais, para se obter diferentes visões sobre o bairro, as suas características e necessidades atuais.

      Tempo de duração

      Entre 3-4h de trabalho.

      Materiais

      Papel, canetas.

       

      Atividade

      Mapa da cidade

      Descrição

      Em equipa e assessorados por um especialista em Parkour, desenvolver um mapa da área na qual irão ser desenvolvidas as atividades de parkour. Posteriormente e, de forma opcional, pode-se fazer uma maqueta de Papkour, em pequena escala, sobre as zonas onde se vão desenrolar as atividades.

      Tempo de duração

      Entre 3-4h de trabalho.

      Materiais

      Papel, canetas.

       

      Atividade

      Mapa sensível do meio ambiente

      Descrição

      Por equipas. Dependendo da atividade favorita dos mesmos, criar um mapa "sensível" da localidade. Para os participantes, uma nomenclatura poderia ser usada para diferenciar lugares naturais, coberto, à sombra, altura, localizadas em bairros sensíveis... Para os que fazem rap, a nomenclatura pode diferenciar lugares para praticar discretamente, aqueles em que temos a certeza de poder ser ouvidos, lugares onde podemos praticar com os amigos, um professor, onde o equipamento é fornecido...

      Temporalização

      Entre 3-4h de trabalho.

      Materiais

      Papel, canetas, um postal/mapa em branco da localidade.

       

      Atividade

      História do rap

      Descrição

      Workshop sobre a história do rap como expressão social  na conquista da sua origem, músicos importantes de cada país e na esfera social e, aquisição de conhecimento básico do estilo musical.

      Código moral do hip hop, em cerca de 8 virtudes:

      • 1 / RESPEITO: sem respeito, não pode nascer a confiança.

      • 2 / DELICADESA: é um sinal de respeito pelos outros.

      • 3 / AUTO CONTROL: saber como ser e estar quando a raiva aumenta.

      • 4 / MODÉSTIA: é falar de si mesmo, sem orgulho.

      • 5 / SINCERIDADE: expressar-se sem disfarçar o pensamento.

      • 6 / VALOR: estar a fazer o correto.

      • 7 / HONRA: é ser fiel à sua palavra.

      • 8 / AMIZADE: é o mais puro dos sentimentos humanos.

      Tempo de duração

      1h de trabalho.


      • MODELOS DE LAZER E TEMPO LIVRE

        MODELOS DE LAZER E TEMPO LIVRE

        Objetivos gerais

        1.       Estabelecer alternativas saudáveis ​​e adequadas à idade dos participantes em relação ao tempo livre e espaços de lazer.

        Objetivos específicos

        1.   Conhecer os hábitos de lazer e de tempos livres dos jovens na localidade.

        1.       Propor alternativas se os hábitos não são adequados para os valores básicos da convivência e respeito ao ambiente envolvente.

        2.       Definir espaços ou trajetos para atividades.

        3.       Definir uma proposta formal de alternativas a tempos livre e lazer para as autoridades locais.

         

        Atividade

        "Colegas, estamos aqui"

        Descrição

        Definir um questionário para os jovens, onde possam expressar onde ocupam o tempo livre, como usam os espaços públicos, se há dificuldades entre grupos de jovens e, tudo o que considerem interessante.

        Uma variante é criar um grupo de discussão, onde possam ser convidados diferentes jovens locais com o propósito de criar um debate sobre essas questões e, tirar conclusões que possam servir para projetar as atividades seguintes.

        Tempo de duração

        Entre 3-4h de trabalho.

        Materiais

        Papel, canetas.

         

        Atividade

        Parkour como protesto social

        Descrição

        Workshop sobre a história do parkour, suas características e valores, e seus aspetos físicos e técnicos, a cargo de especialistas na matéria. O objetivo é que os participantes adquiram habilidades básicas, necessárias para poder desenvolver pequenas sequências.

        Tempo de duração

        4-10h dependendo da motivação e dos especialistas envolvidos na atividade.

        Materiais

        Papel, canetas.

         

        Atividade

        Rota do Parkour

        Descrição

        Com as atividades anteriores realizadas, pode-se definir uma “rota de parkour" através de áreas onde há maiores problemas sociais ou de convivência.

        A proposta é criar sinais (semelhantes a sinais de trânsito), que criam rotas de diferentes níveis, com indicações para quem queira praticar a modalidade, possam ter uma alternativa para ocupação dos tempos livres e de lazer.

        Tempo de duração

        Depende do ambiente envolvente.

        Materiais

        Papel, canetas, computador e placas ou sinalização de indicação da rota.

         

        Atividade

        Rap como protesto social

        Descrição

        Workshop sobre a história do rap, características e composição a cargo de especialistas na matéria. Para a aquisição de competências básicas, por forma a desenvolver pequenas composições para as atividades do programa.

        Tempo de duração

        4-10h dependendo da motivação e dos critérios dos especialistas.

        Materiais

        Equipamento de som, computador.

         

        Atividade

        Rap alternativo

        Descrição

        Com a coordenação de um especialista em Rap, pretende-se criar um tema no qual se expresse toda a informação que se foi adquirindo sobre os tipos de ocupação de tempos livres por parte dos jovens.

        Pode-se entrar em contacto com uma rádio local, e estudar a oportunidade de gravar o rap e de o divulgar em momentos de lazer para que o resto dos jovens conheçam a alternativa.

        O Rap seria usado como um meio de expressão da falta de alternativa. Para isso, deve-se realizar o workshop anterior de formação básica em RAP.

        Tempo de duração

        2h dependendo do grupo e do tema.

        Materiais

        Papel, canetas, computador e material de gravação.

         


        • IGUALDADE, INTEGRAÇÃO E RESPEITO SOCIAL

          IGUALDADE, INTEGRAÇÃO E RESPEITO SOCIAL

          Objetivos gerais

          1.       Identificar se há conflitos de convivência na localidade e estabelecer um quadro pró-ativo de respeito e igualdade entre os próprios participantes, como coletivo.

          Objetivos específicos

          1.       Conhecer as dificuldades que possam estar a existir no campo da convivência social e as causas, ou as origens das mesmas.

          2.       Definir e propor medidas que melhorem a convivência e integração das pessoas ou coletivos.

          3.       Estabelecer atividades de melhoramento da convivência e integração para as autoridades implicadas.

           

          Atividade

          Ações de Parkour

          Descrição

          Em equipas. Limitar a uma fração do lugar e tentar encher o espaço o mais possível, cruzando os obstáculos sem diminuir a velocidade e sem interferirem entre si. Antecipar os movimentos dos outros e ajustá-los de maneira pró-ativa.

          Variação 1: Mover-se ao ritmo de uma música.

          Variação 2: Mover-se em conjunto com um rapper, cada um escutando o outro, e tentando transmitir as mesmas emoções.

          Tempo de duração

          1h

          Materiais

          Não.

           

          Atividade

          Cooperação com o parkour

          Descrição

          Por equipas, definidas, de forma mais heterogenias possível. Procurar obstáculos intransponíveis, tanto em altura como em comprimento ou em precisão. Ultrapassá-los ajudando-se mutuamente (pirâmides, flexões, flexões…). A maioria dos participantes devem aceitar ser ajudados, aceitar a mão que é oferecida, mesmo que não necessitem.

          Tempo de duração

          1h

          Materiais

          Não.

           

          Atividade

          Partilhar rap

          Descrição

          Cada pessoa escreve sobre situações em que se sentiu vulnerável, diferente ou discriminada. Quem o desejar, pode partilhar as suas experiencias com o grupo num momento de intercâmbio e debate, íntimo e privado. A partir destas partilhas o grupo cria um rap comum, um “manifesto de desigualdades”. Se o desejarem, é possível terminar com a criação de um mural com fotos do grupo e uma impressão do texto e das faixas elegidas.

          Tempo de duração

          1-3 h

          Materiais

          Papel, caneta e sistema de som.

           

          Atividade

          Poesia dos direitos humanos

          Descrição

          Os participantes propõem uma lista de temas de interesse no que diz respeito aos direitos humanos. Estes temas são submetidos a votação, os 3 temas vencedores são selecionados e distribuídos por 3 equipas. Cada equipa é supervisionada por um monitor que fomenta o debate, e os orienta na escrita de um texto sobre o tema elegido. Este texto deve ser rítmico, rimar, ter impacto e estar bem escrito; Como se a equipa o fosse apresentar à ONU.

          Tempo de duração

          1-2h

          Materiais

          Papel, caneta e sistema de som.

           


          • JUVENTUDE E IDENTIDADE SOCIAL

            JUVENTUDE E IDENTIDADE SOCIAL

            Objetivos gerais

            1.       Identificar e expressar o potencial e as dificuldades dos jovens no que diz respeito ao resto da sociedade.

            Objetivos específicos

            1.       Realizar uma análise das características especificas desta etapa vital, a imagem projetada a nível social e criar um manifesto que mostre outra visão da juventude, partindo de hábitos pró-ativos a nível social e cultural.

             

            Atividade

            Rap como um movimento social em todo o mundo.

            Descrição

            É proposto uma seleção de rap que trate de questões como o protesto social ou as dificuldades dos jovens, e parte-se para uma análise do texto que conduzirá a um debate sobre o tema, ponderado pelos sentimentos dos participantes.

            Tempo de duração

            1h

            Materiais

            Papel, canetas, sistema de som.

             

            Atividade

            Análise multicultural do rap

            Descrição

            Selecionar diferentes rappers ou rap do mundo, em que se fale da identidade social e/ou cultural, e se parta para uma análise onde se irá relacionar também a identidade e origem de cada participante.

            Tempo de duração

            30min-1h

            Materiais

            Equipamento de som e rap de diferentes partes do mundo, legendados nos diferentes idiomas dos participantes.

             


            • AUTO-CONHECIMENTO

              AUTO-CONHECIMENTO

              Objetivos gerais

              1.       Promover o conhecimento pessoal e a aceitação das capacidades e dificuldades

              Objetivos específicos

              1.       Conhecer as características emocionais intrapessoais.

              2.       Identificar as dificuldades pessoais em diferentes áreas de desenvolvimento: emocional e relacional.

              3.       Reconhecer as potencialidades pessoais.

               

              Atividade

              Conhece os teus limites

              Descrição

              Em equipa de dois. Um oferece desafios de movimento ou cruzamento ao outro, e o outro responde se se sente capaz. Se assim for, deve ter êxito em três provas. Se não, deve aceitar dar meia volta e regressar quando esteja mais treinado. Logo, encontrar no mesmo espírito, desafios difíceis mas alcançáveis, para que se possa ter êxito em três provas.

              Tempo de duração

              1h

              Materiais

              Não.

               

              Atividade

              Cara a cara com o espelho

              Descrição

              Cada participante é isolado num espaço, em privacidade, e colocam-se diferentes tipos de música (rap ou outros). O participante escuta e escreve sobre o que lhe passa pela cabeça; Como se se olhasse ao espelho, como se estivesse a falar consigo mesmo. O exercício repete-se com diferentes tipos de música por forma a inspirar várias emoções.

              Tempo de duração

              30min

              Materiais

              Papel, caneta, Equipamento de som.

               

              Atividade

              A minha silhueta

              Descrição

              Divididos em pares, cada participante recebe um rolo de papel de 2 m, marcadores e lapises. Um dos elementos do par, coloca-se sobre o papel, enquanto o outro desenha a silhueta do elemento deitado sobre o papel, e vice-versa, para que todos tenham o desenho da sua silhueta, num pedaço de papel individual. Em seguida, é colocada uma música de fundo, e cada um dos participantes irá expressar através de desenhos, sem escrever palavras ou letras, o seu estado de animo, os seus sentimentos em relação a si mesmo, aos demais, como se sente o seu corpo… O momento é o de obter uma consciência pessoal. O exercício prossegue com cada participante a atribuir um título ao seu trabalho (como um título musical, como o nome de um rap). Todos os participantes são convidados a observar as obras de cada um, em silêncio e com respeito.

              Uma variante será, depois de fazerem o desenho, criar um rap com o que observaram ou o que o desenho lhes inspira.

              Tempo de duração

              1h 40min-

              Materiais

              Rolo de papel, cores, marcadores, equipamento de som.

               

              Atividade

              Como os outros me veem

              Descrição

              Ao longo do encontro, cada participante terá um papel com uma fotografia sua com o reverso da folha em branco. Á medida em que os participantes se vão conhecendo, vão escrevendo frases na parte em branco, que descrevam as qualidades que vão descobrindo dos companheiros.

              No final do encontro, cada um pega no seu papel com a foto e faz um rap ou uma poesia com o que lhe escreveram. É importante colocar um título.

              Tempo de duração

              O tempo do encontro.

              Materiais

              Fotografia pessoal e página em branco.


              • AUTO-REGULAÇÃO EMOCIONAL

                AUTO-REGULAÇÃO EMOCIONAL

                Objetivos gerais

                1.       Identificar as razões pelas quais têm dificuldades no relacionamento com os seus colegas, a autoridade ou com eles mesmos. O porquê de se poder reagir de uma forma prejudicial para consigo próprio ou com o ambiente envolvente.

                Objetivos específicos

                1.       Reconhecimento das dificuldades individuais nas situações que possam ser consideradas conflituosas.

                2.       Identificar as diferentes formas de reação, interna ou externa e os mecanismos regulatórios próprios.

                3.       Conhecer uma saída saudável e pró-social aos conflitos que criam mal estar.

                 

                Atividade

                Emoções em movimento

                Descrição

                Em equipas. 4 emoções: tristeza, alegria, desgosto / nojo, surpresa / medo. Traduzir cada uma delas à linguagem parkour, de forma encadeada.

                Variação: fazer o mesmo, ouvir o rap de um dos participantes que terá que transmitir uma dessas emoções, no idioma de sua escolha.

                Tempo de duração

                1h

                Materiais

                Equipamento de música.

                 

                Atividade

                A pirâmide das necessidades

                Descrição

                Workshop teórico e prático sobre a teoria das necessidades e agressão interna e externa (ver explicação no anexo)

                Tempo de duração

                1h

                Materiais

                Fotocópias do esquema e power point.

                 

                Atividade

                O círculo de influência, o círculo de preocupações.

                Descrição

                Com base no primeiro exercício do livro de Stephen Covey "Os 7 Hábitos das Pessoas Eficazes". Identificação de problemas, compreensão de esquemas de desmoralização, como resolvê-los, como escolher a melhor opção.

                Parkour é uma disciplina onde a energia é expressa e, ao mesmo tempo, deve-se lidar com a frustração e o fracasso, saber como reagir. Como extrapolar esse método às provações da vida?

                Tempo de duração

                40min

                Materiais

                Fotocópias do esquema e power point.

                 

                Atividade

                Parkour como um espelho da minha vida.

                Descrição

                Planeia-se uma “corrida” de parkour ou uma série de exercícios, que o grupo deve praticar sozinho e em grupo, para se refletir como cada um expressa a sua frustração e como pode aprender a canaliza-la. É uma forma para de todos escutarem, identificarem as dificuldades e utilizar o parkour para ver, como diariamente, também expressam as suas agressividades e frustrações e, como resolve-las.

                Tempo de duração

                Cerca de 1h, incluindo a discussão.

                Materiais

                Não.

                 


                • RELAÇÔES SOCIAIS E REDES SOCIAIS


                  RELAÇÔES SOCIAIS E REDES SOCIAIS

                  Objetivos gerais

                  1.       Perceber a forma como estabeleço relações sociais, tal como as dificuldades e potencialidades em relação a estas.

                  2.       Identificar as características das relações através das redes sociais e desenvolver uma atitude crítica face aos hábitos que não facilitem a comunicação e respeito.

                  Objetivos específicos

                  1.       Reconhecer os elementos que nas relações sociais criam conflitos internos e como resolvê-los.

                  2.       Identificar as dificuldades e vantagens das redes sociais em relação a relacionamentos, comunicação e amizade.

                  3.       Propor compromissos que ajudem a melhorar os aspetos que se pretendem mudar.

                   

                  Atividade

                  Cara a cara youtube

                  Descrição

                  Imaginar situações que criem tensões nas redes sociais. Para cada uma delas fazer um breve rap, no qual o primeiro verso imita uma resposta clássica cara a cara, e o segundo, a mesma reação atrás de uma “tela”, normalmente na secção de comentários no youtube. Pensar nas consequências.

                  Tempo de duração

                  1h

                  Materiais

                  Não.

                   

                   

                   

                   


                  • MOTIVAÇÃO E VOCAÇÂO

                    MOTIVAÇÃO E VOCAÇÂO

                    Objetivos gerais

                    1.       Conhecer as atividades, a dedicação ou compromissos que me motivam e me fazem sentir realizado.

                    Objetivos específicos

                    2.       Identificar os elementos ou situações que me provocaram desmotivação na minha trajetória da vida.

                    3.       Conhecer os elementos ou situações que me motivaram e fizeram que me comprometesse ativamente com algo.

                     

                    Atividade

                    O potencial do nada

                    Descrição

                    Por equipas. Limitar-se a uma fração do lugar, voluntariamente pobre em movimentos. Identifica todos os movimentos possíveis, e todas as suas variações. De seguida, encontrar uma maneira de vinculá-los entre si, cada um à sua maneira. Comparar esse sentimento de realização com a sensação inicial de dúvida, e imaginar uma transposição para a vida.

                    Tempo de duração

                    1h

                    Materiais

                    Não.

                     

                    Atividade

                    Workshop de coaching vocacional

                    Descrição

                    Exercício de análise da vocação individual de cada participante através de exercícios que se juntam em anexo.

                    Tempo de duração

                    2h

                    Materiais

                    Não.

                     

                     


                    • PROJECTOS FUTUROS

                      PROJECTOS FUTUROS

                      Objetivos gerais

                      1.       Gerar entusiasmo e compromisso connosco próprios sobre o futuro, com base no que é motivador e que gera satisfação.

                      Objetivos específicos

                      1.       Projetar uma jornada pessoal, que motive a nível pessoal, social educacional e familiar.

                      2.       Estabelecer mecanismos internos de revisão do próprio itinerário e as diferentes opções de recuperação de compromissos, caso não sejam satisfeitos.

                       

                      Atividade

                      Os meus modelos

                      Descrição

                      Em equipas. Fazer uma pesquisa na internet sobre rap ou parkour. Oportunidades de referência, seja de forma direta (artista, atleta, treinador) ou indireta (através do uso de ferramentas de som ou vídeo, gestão de projetos, desenvolvimento de valores...). Propor um modo de vida profissional.

                      Tempo de duração

                      2h

                      Materiais

                      Papel, canetas, internet.

                       

                      Atividade

                      Regresso ao Futuro

                      Descrição

                      Cada participante imagina-se em um ano e visualiza a sua situação: com amigos, consigo mesmo, com os seus estudos / seu trabalho, com as suas paixões e os seus problemas. E nesta situação, regressa ao presente ao imaginar 3 momentos chave que não deve perder para alcançar esse futuro ideal.

                      Uma variante final poderá ser, fazer um rap com tudo o que visualizou.

                      Tempo de duração

                      2h

                      Materiais

                      Papel, canetas, internet.

                       

                      Atividade

                      Dinâmica de Merlin

                      Descrição

                      Tenho que pedir ao material que o desenvolva teoricamente. Juntar-se-á a explicação em anexo.

                      Tempo de duração

                      2h

                      Materiais

                      Papelão, cores, revistas para fazer colagens, cola.

                       


                      • VIDEO REPOSITORY

                      • LINKOGRAPHY